top of page
  • Foto do escritorAGCom

Piscina Olímpica abre vagas para aulas gratuitas de natação em Macapá

O prazo para inscrição se iniciou hoje (26) e segue até o dia 1º de março no Centro Didático Parque Aquático Capitão Euclides.


Por Arthur Corrêa

Edição: Fábio Maciel

natação em Macapá
Piscina Olímpica de Macapá ofertará mais de 420 vagas. Foto: Arthur Corrêa.

A natação é o terceiro esporte mais praticado no Brasil, segundo o Ministério do Esporte. E em Macapá, o Centro Didático Capitão Euclides Rodrigues oferta cerca de 420 vagas para novos alunos nesta modalidade. Os interessados devem procurar a Piscina Olímpica, localizada na Avenida Procópio Rola, nº 130, no bairro Santa Rita, para a realizar a inscrição até o dia 1º de março, das 8h às 12h e das 14h às 18h.


As turmas serão divididas nos turnos da manhã, tarde e noite, para a faixa etária de 6 a 60 anos. Os interessados devem levar as seguintes documentações e cópias: RG, comprovante de residência, laudo médico ou encaminhamento, 03 fotos 3x4, declaração escolar (menores de 18) e comprovante de vacina contra a Covid-19.


Com mais de 30 anos de existência, o local é considerado um dos centros aquáticos mais importantes da natação amapaense, onde os alunos e futuros atletas têm acesso ao esporte de forma gratuita. De acordo com a Secretaria de Estado do Desporto e Lazer (Sedel), no ano de 2023, cerca de 699 alunos foram matriculados. Deste total, 15 eram pessoas com Transtorno do Espectro Altista (TEA) e seis eram pessoas com deficiência.


Estudos comprovam que a natação é um exercício capaz de favorecer no desenvolvimento de crianças com TEA, pois trabalha com a coordenação motora, equilíbrio, fortalecimento muscular e aumento da capacidade cardiovascular. Conforme a Sedel, essa demanda tem aumentado significativamente ao longo dos anos. Equipes multifuncionais qualificadas são responsáveis por atender esse público.


Alunos de natação em Macapá
Alunos em prática no Centro Didático Parque Aquático. Foto: Arthur Corrêa.

“Recebemos todo e qualquer aluno que queira iniciar uma atividade física no meio aquático. Todo aluno que chega a gente faz a ficha dele, fazemos uma pesquisa social a respeito da vida daquela criança, e a partir dessas informações que colocamos elas em diferentes níveis, para que elas tenham um pouco mais de atenção ou um pouco mais de rendimento”, afirma o presidente da Federação de Esportes Aquáticos, Marcos Maciel.


Ainda segundo o presidente, os critérios de cada nível são:


  • Nível 1: Não sabe nadar e nunca teve contato com a piscina.

  • Nível 2: Já teve contato com a piscina e sabe nadar o básico (nado crawl).

  • Nível 3: Nado Crawl e Costa.

  • Nível 4: Nado Crawl, Costa e Peito.

  • Nível 5: Nado Crawl, Costa, Peito e Borboleta.

  • Nível 6: Pré-treinamento.

  • Nível 7: Treinamento.


Após iniciação ao esporte, a Federação de Esportes Aquáticos é a responsável pelo treino de alto rendimento dos alunos até se tornarem atletas. Dentro da Federação existem outras associações esportivas que cumprem a mesma função, como é o caso da Associação Pororoca e Amapá Natação.


Professor de natação de Macapá
Nadilson Costa e Kalliny Santos no Prêmio Semel Melhores do Esporte 2023. Foto: Arthur Corrêa.

O presidente da Associação, Nadilson Costa, foi premiado no Prêmio Semel Melhores do Esporte 2023 como melhor técnico junto aos seus atletas. O evento teve o objetivo de reconhecer e homenagear atletas, ex-atletas, desportistas, técnicos e federações que tiveram grande representatividade na capital.


A atleta Kalliny Santos, 19 anos, é estudante de Engenharia Civil pelo Instituto Federal do Amapá (Ifap) e está há quatro anos na Associação Pororoca. Ela iniciou no esporte por meio de uma competição escolar e desde então se tornou um destaque na natação amapaense. Ela recebeu o prêmio de Melhor Atleta de 2023 nos campeonatos locais e nacionais.


“Uma grande emoção ganhar, porque isso é um resultado de muita dedicação, tanto minha quanto do meu técnico, que está todo dia lá para dar o treino e puxar a gente quando precisa”, conta.,


Confira o convite do técnico Nadilson Costa:


*Reportagem produzida na disciplina de Webjornalismo ministrada pelo professor Alan Milhomem.

0 comentário

Comments


bottom of page