• Flávio de Sousa

COP-27: Governo do Amapá participa da Conferência das Nações Unidas sobre as Mudanças Climáticas

Encontro discute mecanismos globalmente aplicáveis para conter as mudanças climáticas


Por Flávio Sousa


A 27ª Conferência das Nações Unidas sobre as Mudanças Climáticas – COP 27 reúne líderes mundiais para debater e buscar soluções para as crises ambientais. O encontro é realizado anualmente desde 1995, com exceção de 2020 em decorrência da pandemia da Covid-19.


Foto: Créditos: ONU Conferência das Nações Unidas começou nesta segunda, 7.


O Governo do Estado do Amapá participa, pela segunda vez, da conferência do clima da ONU. Durante o evento, a Secretaria de Estado da Ciência e Tecnologia (SETEC) e o Conselho das Fundações dos Estados do Brasil (CONFAP) realizaram o lançamento do Programa Nacional “Iniciativa Amazônia +10”, que arrecadará recursos para promoção de projetos de pesquisas e desenvolvimento, envolvendo todos os 26 estados brasileiros.


Lançamos o primeiro edital do programa Amazônia +10 e recebemos 35 propostas. No resultado final, algumas propostas aprovadas foram integradas a outros estados da região amazônica. O objetivo é implementar ações de pesquisa e desenvolvimento aqui no Amapá”, diz Rafael Pontes, secretário de Ciência e Tecnologia do Amapá.


Foto: Érico Xavier/FAPEAM


Pontes acrescenta que está em busca de parceiros internacionais para uma nova etapa do programa. “Na COP-27, podemos mostrar a iniciativa já em andamento e buscar novos parceiros que nos ajudem a captar recursos em prol do desenvolvimento da Amazônia. O nosso foco é abordar a cadeia produtiva, comunidades tradicionais, como as ribeirinhas e extrativistas, além de questões do clima, que são fundamentais”, complementa.


O governador do Estado do Amapá, Antônio Waldez Góes, é o presidente do Consórcio Interestadual de Desenvolvimento da Amazônia Legal, composto pelos estados do Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Maranhão, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins. Os representantes de cada estado estão participando da COP-27 pela primeira vez.


Governador do Amapá, Waldez Góes, é presidente do Consórcio da Amazônia Legal. Foto: SECOM/AP


Os governadores estão tendo oportunidade de discutir assuntos com foco no meio ambiente e desenvolvimento econômico. Os temas apresentados pelo bloco regional foram: medidas de prevenção e controle do desmatamento e incêndios florestais; políticas de clima, adaptação e mudanças climáticas; financiamento climático, mercado de carbono e recursos para fortalecer as políticas estaduais; políticas de produção sustentável e fortalecimento da bioeconomia; conservação e restauração florestal/biodiversidade, além de salvaguardas socioambientais.


O Consórcio terá de forma inédita o Hub da Amazônia Legal, dentro do espaço Bluezone (Foto: Bia Reis)


A AGCOM entrou em contato com a equipe do governador do Amapá, Antônio Waldez Góes, para obter mais informações sobre a participação na COP-27, todavia não obteve retorno.

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo