• Lylian Rodrigues

A TV Universitária está no ar!

Reconfigure a programação de canais da sua TV digital e sintonize no canal 46.1 para assistir a TVU na sua casa!

(Foto: Lylian Rodrigues)

Na manhã desta segunda-feira, 18 de outubro de 2021, a TV Universitária (TVU) está transmitindo para toda a população amapaense conteúdo nacional e brevemente o conteúdo local. A inauguração de hoje concretiza um projeto de várias gestões da Unifap.


Júlio Sá, professor e atual reitor da UNIFAP, cita Isaac Newton para falar desta realização, se cheguei mais longe, é porque subi em ombro de gigante. “Eu não posso deixar de falar as situações pretéritas, que culminaram com esta inauguração”. O Reitor então citou primeiro o professor Manoel Melo, o Japoca, que desde o início da universidade já tinha um projeto de implantação de Rádio e TV. Como segundo gigante, o professor José Carlos Tavares, que quando Reitor foi procurado pelo professor Júlio, Pró-reitor na época, e sem medir nenhum esforço deu toda a energia para a implantação da Rádio e TV. A Rádio teve implantação na mesma gestão. Fernando Canto é o terceiro gigante mencionado pelo Reitor, que foi o primeiro Diretor e colocou pra funcionar a Rádio. O quarto e último gigante é o conhecido Padre Aldenor, que planejou e articulou a implantação do transmissor da TV, construindo todo o projeto para execução.

O curso de Jornalismo segue a frente do processo. Atualmente, o diretor da Rádio e TV é o professor Paulo Giraldi, do Colegiado do Jornalismo. Ele finalizou o projeto para implantação e hoje inaugura a TV Digital.

“A TVU nasce com o projeto da Rádio, em 2008. Consequentemente, ela também soma à iniciativa do curso de Jornalismo de ter a emissora de televisão e rádio, mas naquele momento não foi possível instalação da tv analógica por conta de recursos. E hoje, instalamos a TV no formato digital. Eu desejo que a TV Unifap nasça com esse propósito de liberdade, que não tenha medo de debater todos os temas, falar de todos os assuntos com respeito, diálogo e proximidade com essa diversidade de pessoas. Principalmente, promover o respeito, a comunicação não violenta, promover essa troca de conhecimento”. O professor Paulo Giraldi homenageia o professor Aldenor Benjamin, realizando toda a abertura oficial conforme era do desejo do padre, constando cada item idealizado no roteiro do cerimonial.

Julio Sá e Simone Leal (centro), reitor e vice-reitora. Rafael Wagner (esquerda) e Paulo Giraldi (direita), professores do colegiado de Jornalismo (Foto: Lylian Rodrigues)

A participação da comunidade está garantida pelo diretor. “A TVU segue um regimento nacional, da rede de comunicação pública (EBC), a partir de seus regimentos e leis próprias. Nós temos também já o regimento da TVU. Dentro da programação, vamos cumprir 12 horas de veiculação de produtos locais, em uma programação de 24 horas. Nós queremos cumprir com base na divulgação de projetos e programas que sejam locais com editais próprios para acolher produções audiovisuais, propostas de programas por editais para a comunidade, que assim possa participar e contribuir a partir de um Conselho de programação para avaliar programas, decidir e aprovar para entrar na grade de programação”.

Ao reconfigurar a programação dos canais, quatro novos aparecerão, 46.1 46.2 46.3 46.4. A TVU é uma geradora televisiva de multi programação. “Vamos operar quatro canais, conforme a concessão, que são a TV Brasil 1, TV Brasil 2, TV MEC e também o Canal Saúde. Então, essa multiprogramação nos dará liberdade para pensar um canal apenas para a Educação à Distância. É muito importante para a universidade poder gerar uma comunicação, um ensino à distância, pela televisão”.

O professor Paulo Giraldi e a professora Roberta Scheibe, também do Colegiado de Jornalismo, orientam dois projetos com estudantes universitários que insere a TV Digital de produção jornalística para a formação destes profissionais. Mayra Carvalho, do 7º semestre, se emociona ao relatar sua história com a TVU. “É a realização de um sonho. Eu entrei na Assessoria Especial da Reitoria, em 2019, e lá o professor Paulo Giraldi já me falava muito ‘eu tô te treinando pra Tevê’. Eu coloquei como objetivo meu que eu tenho que apresentar um programa na TV Digital antes de me formar. E hoje eu estou sendo a cerimonialista deste projeto. Então, é muito significativo pra mim, já chorei muito com isso”, comenta Mayra que já tem um programa piloto para lançar, o “Sem Filtro”.

Também é bolsista no projeto o estudante Antônio Belfort, do 5º semestre. Ele será o responsável pela demanda das redes sociais que a transmissão vai gerar. “A TV Unifap é associada ao modelo nacional. Então, quando eu paro pra pensar que eu faço parte disso, nossa é surreal pensar nisso. Eu já estou trabalhando com a produção jornalística e isso é enriquecedor para meu futuro como jornalista”, relatou o estudante.

Antônio Eduardo, estudante de Jornalismo. (Foto: Amanda Isis)

“Meu desejo aqui com a Unifap é o aluno formar, receber o diploma, tirar o registro profissional e receber a carteira dele. É uma identidade nacional. Nós estamos emitindo agora carteiras internacionais de jornalistas. Profissionais que se formaram aqui em Macapá e conseguiram empregos na França, em Portugal, tem um na Alemanha”, conta João Clésio, jornalista, presidente do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Amapá (SINDJOR). O presidente do SINDIJOR prestigiou essa inauguração, ressaltando a importância da TVU, “representa a abertura de novos postos de trabalho aqui no estado do Amapá. Com certeza a TV Universitária abre portas para jornalistas, editores de imagem, produtores e outras funções”.

João Clésio, presidente do SINDJOR, e Paulo Giraldi, professor de Jornalismo na UNIFAP. (Foto: Lylian Rodrigues).

Participam desta inauguração futuros profissionais e profissionais de carreira. Fernando Soares é o primeiro técnico servidor da Rádio e também sente como a realização de um sonho a inauguração de hoje. “Comecei em janeiro de 2010 e em fevereiro inauguramos a Rádio e agora estou junto à inauguração da TV. Eu sou da parte técnica, do operacional, da correria. Na TV, agora, vai ser um grande desafio porque e sou da área do áudio e na TV nós temos áudio e vídeo. Durante a pandemia, com a transmissão de Lives eu adquiri experiência com o vídeo. Mas, estamos planejando trazer outras pessoas para somar com a gente nesta parte técnica da televisão”.

Fernando Soares, técnico servidor da rádio. (Foto: Amanda Ísis)

Sonho realizado, missão cumprida, projeto concretizado. Agora, está no ar e esperamos muito que a programação local seja fomentada para breve, para logo a população amapaense enxergar a cidade, a universidade e se enxergar também nas produções que vão circular pelo sinal digital. A inauguração foi realizada na área externa da Rádio e TV Universitária com o esforço de estudantes, gestores, técnicos, docentes. O sentimento do espaço era o de gratidão. Todos e todas agradecem porque agora a Unifap tem a TVU. A AGCOM deseja sucesso nesta empreitada!

Cerimônia de inauguração da TV Universitária. (Foto: Lylian Rodrigues)

0 comentário