top of page
  • Foto do escritorAGCom

Municípios do Amapá podem ter possíveis interferências no sinal de TV da parabólica tradicional

O problema pode ocorrer assim que o 5G for ativado em 11 cidades do estado*.

População de baixa renda tem direito pode fazer a troca gratuitamente. Foto: Siga Antenado

Nesta semana, 11 municípios do Amapá receberam autorização para instalar infraestrutura para o sinal de internet 5G. Por conta da nova tecnologia, quem utiliza a antena parabólica convencional poderá enfrentar interferências, como chuviscos, chiados, imagem travada ou até interrupção do sinal. Para não ter problemas com o sinal de TV, a população deve trocar a antena tradicional pelo modelo digital.


Os municípios de Amapá, Calçoene, Ferreira Gomes, Laranjal do Jari, Oiapoque, Pedra Branca do Amapari, Porto Grande, Pracuúba, Serra do Navio, Tartarugalzinho e Vitória do Jari foram os beneficiados com a nova tecnologia. As prestadoras de internet destes municípios já podem solicitar a ativação da tecnologia ultrarrápida 5G.

Com a liberação do sinal, aumenta o senso de urgência para a troca das parabólicas tradicionais pelas novas parabólicas digitais. A troca se faz necessária, pois a população que utiliza a parabólica tradicional para receber sinal de TV aberta poderá enfrentar interferências. Isso acontece porque o 5G opera na mesma frequência da parabólica tradicional, a Banda C. Já o equipamento digital opera em outra faixa, a Banda Ku.

As famílias de menor renda inscritas em Programas Sociais do Governo Federal e que já tenham a antena parabólica tradicional em pleno funcionamento têm direito à instalação gratuita do equipamento digital. Para saber se você tem direito, basta acessar o site sigaantenado ou ligar para 0800 729 2404, de segunda a sexta-feira, das 8h às 20h, e aos sábados, das 8h às 16h, com o CPF ou NIS em mãos.

No Amapá, mais de 17,8 famílias podem solicitar a troca gratuita dos equipamentos. A substituição é realizada pela Siga Antenado, entidade administradora da faixa criada por determinação da Anatel, responsável por apoiar a população durante a migração do sinal de TV utilizado pelas parabólicas tradicionais (banda C) para o sinal das parabólicas digitais (banda Ku). Em todo o país, a instalação de infraestrutura para o 5G foi autorizada para 2.456 novos municípios de 26 estados e vai beneficiar 156 milhões de brasileiros.


*Informações da assessoria


0 comentário
bottom of page