• AGCom

Presidente da Federação Amapaense de Futebol fala sobre as medidas adotadas em tempos de Covid-19

A primeira decisão foi pela suspensão do Campeonato Amapaense.


Presidentes da FAF e representantes dos clubes reunidos para decidir o rumo da competição


Por Maian Maciel


Diante de todas as medidas adotadas para conter o avanço do novo coronavírus (Covid-19), foi necessária a suspensão dos campeonatos futebolísticos em todo o mundo. Sendo assim, o Campeonato Amapaense também paralisou as atividades, desde o dia 15 de março, depois de uma reunião envolvendo os clubes e a Federação Amapaense de Futebol (FAF).


Com o intuito de evitar aglomerações por parte das torcidas, que frequentemente iam acompanhar suas equipes nos estádios; e para preservar a saúde dos atletas, da comissão técnica e de todos os outros profissionais envolvidos em uma partida, os representantes das equipes amapaenses e a Federação, que administra o campeonato, entraram em um acordo para o adiamento da competição por tempo indeterminado.


Segundo o Presidente da Federação Amapaense de Futebol, Neto Góes, a instituição já está trabalhando junto com a Confederação Brasileira de Futebol em um protocolo padrão de medidas de precaução que será adotado por todas as federações nacionais de futebol. Quando retornar as atividades, entre as medidas, durante os jogos do campeonato amapaense os portões se manterão fechados e haverá testes rápidos de Covid-19, antes da realização de todas as partidas. “Apesar dessa regra, sabemos que nem todos os clubes terão condições financeiras para realizar todos os testes”, ressalta.


Aqui no nosso estado, estão tratando de medidas específicas. A intenção é que o retorno da competição aconteça o quanto antes. Para isso, as equipes precisarão tomar alguns cuidados, devendo os clubes treinar em blocos de poucos atletas, evitando aglomerações e atendendo a todas as regras impostas pela FAF. O Presidente da Federação afirma que está acompanhando diariamente a rotina e o desenvolvimento dos clubes na forma que estão lidando com a pandemia.

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo